ENTRE EM CONTATO COM A ANTIQUEDA:

Preencha o formulário ao lado para entrar em contato com a AntiQueda.

Telefone: (13) 3226-1515

ANTIQUEDA NAS REDES SOCIAIS:

BLOGAQ

Acompanhe a AntiQueda

Facebook Twiiter

Postado por Equipe AntiQueda em Blog

Que a carioca Andrea Lopes é um ícone do surf brasileiro feminino, todos sabem. Mas se manter entre as melhores por mais de uma década é tarefa para poucas pessoas. Tetracampeã brasileira em 1999, 2001, 2002 e 2006, a atleta da equipe AntiQueda encerrou mais uma temporada muito bem, como vice-campeã mundial master, conquista no ISA World Masters Surfing Championship, no Panamá, e top 4 no Brasil Surf Pro, a elite nacional.
?Não comecei o ano bem e quando fui para o mundial em agosto, por convite da Confederação e viabilizado pela AntiQueda, me deparei com alto nível de surf, onda poderosa e puxei meu limite e motivação de atleta. Garanti o segundo lugar e embalei com o terceiro, na terceira etapa do Brasileiro, em Búzios. Dei o pontapé de atleta em 2010, que estava calmo demais?, comentou Andrea.
Animada com as boas performances, ela já planeja 2011 como novas perspectivas e formas de trabalhar, mas não descarta manter a vida de competidora. ?Tudo na vida existe uma transição. Aos poucos, vejo a mudança para criar novas oportunidades e somar de todas as formas com meus patrocinadores. O surfista não pode se limitar a apenas competir. Precisa colaborar de outras formas também?, destacou a atleta.
Para 2011, Andrea Lopes já definiu sua trajetória. ?Serei 40% competidora, pois sigo na elite, e bem, e 60% dedicada a trabalhos e projetos, uma cabeça pensante, atleta que gosta de ousar, cativa, somar criar?, revela. ?Sempre estou pensando, articulando formas de crescer. É como se alguém falasse: Agora você está sozinha e precisa salta de paraquedas. Foi assim quando recebe o convite da Playboy, quando precisei decidir ser surfista profissional e correr o Circuito Mundial com 17 anos?, ressaltou.
?Ouvi o meu coração, conversei com as pessoas, poucas, que poderiam me ajudar no caminho e fui, saltei. E hoje estou aqui para um novo salto. 2011 será diferente, ótimo?, complementou Andrea, que em 2011 também se destacará como uma das protagonistas do documentário “Mentawai, Mental way”, do diretor e surfista Alexandre Ribas.

CRÉDITO: BRASIL SURF PRO

FMA Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *